Follow by Email

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Reunião dos arquitetos brasileiros em Durbam coordena ações para UIA2020 no Rio de Janeiro

Os arquitetos Jeronimo Morais secretário geral do IAB nacional,
Sérgio Magalhães presidente do IAB nacional, Pedro da Luz
presidente do IAB-RJ e Haroldo Pinheiro presidente do CAU-BR
na reunião com os arquitetos brasileiros em Durbam na África
do Sul
Na segunda feira dia 04 de agosto de 2014 foi realizado no Hotel Hilton em Durbam uma reunião dos arquitetos brasileiros presentes ao Congresso Mundial de Arquitetura da União Internacional de Arquitetos (UIA). A reunião discutiu os fundamentos da candidatura baseados no lema "Todos os Mundos. Um só Mundo. Arquitetura 21", com os arquitetos brasileiros, solicitando seu engajamento na campanha. Houve um grande entusiasmo por parte de todos, que se comprometeram a coordenar as ações no sentido de sensibilizar os delegados da UIA, a votar na cidade do Rio de Janeiro, que concorre com Paris na França e Meulborne na Australia, para sediar o congresso da entidade em 2020. Os arquitetos reconheceram o potencial de um evento dessa natureza, na promoção do ofício da arquitetura e do urbanismo na sociedade brasileira. Além desse ponto, foi também destacado a importância de se lutar por um maior protagonismo do plano e do projeto em nosso país.

Saiu no Le Fígaro da França, candidatura do Rio de Janeiro a sediar o UIA 20202

Saiu no jornal Le Figaro da França matéria sobre a candidatura do Rio de Janeiro a sediar o encontro de 2020 do Congresso Mundial de Arquitetura da União Internacional de Arquitetos. Com o tema de "Todos os Mundos. Um só Mundo. Arquitetura 21" «Tous les mondes. Un seul monde. Architecture 21». Com o qual procuramos enfatizar a consciência da diversidade do nosso mundo, e ao mesmo tempo a necessidade de desenvolvimento de uma sensibilidade sobre todo o planeta Terra. Ao mesmo tempo, cosmopolitismo e localismo. Como conceitos básicos e estruturantes da ocupação do planeta pelo homem. Nesse contexto as cidades são muito importantes, uma vez que representam o habitat da maioria da humanidade, muitas vezes responsáveis por grande parte dos problemas ambientais do planeta. Assim, acredita-se que a cidade do Rio de Janeiro representa uma incrível diversidade entre natureza e artificialidade, diferentes culturas, religiões e atitudes humanas, que sob o seu solo admitem uma ampla convivência das suas diferenças, transformando-se todos em Cariocas. Abaixo o link da matéria...

http://www.lefigaro.fr/culture/2014/08/04/03004-20140804ARTFIG00173-rio-concurrente-de-paris-pour-le-congres-des-architectes.php