Follow by Email

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Artigo do Janot no Globo de 13-04-2013, boa leitura

O artigo do arquiteto e amigo Luiz Fernando Janot do dia 13 de abril de 2013, no Jornal O Globo, mostra como obras no Brasil vem sendo executadas sem o ancoramento numa cultura do projeto e do plano, que desempenha o papel de se antecipar ou antever, custos e benefícios da obra. O improviso e a execução sem o adequado planejamento acabam gerando obras descartáveis e de baixa qualidade. A planilha de preços é definida antes que os projetos estejam detalhados, ou pior antes que a adequação da transformação seja avaliada. A superficicialidade é a tônica, como estivéssemos diante de uma incapacidade de imaginar o vir a ser, o futuro. A análise com maior profundidade das infinitas possibilidades do futuro foi descartada em nome de um sentido de urgência. Esta prática acaba determinando uma cultura do descartável ou da obsolescência imediata.
O artigo de 13 de abril de 2013 do arquiteto e amigo Luiz Fernando Janot, boa leitura
O